Sexta-feira, 06 de Julho de 2007

A edição de Alguns olhares de Virgílio Pereira merece uma nota neste espaço.

 

Homem de política, regional e europeia, neste seu primeiro livro, dividido em duas partes, apresenta-nos na primeira algumas histórias e vivências pessoais a que ele chamou “Alguns olhares introdutórios”.

Na segunda parte dá-nos a conhecer uma “Colectânea de escritos” de um período de sete anos (1999-2006), em que deambulando por entre “Assuntos Diversos” nos fala também de Política Internacional, Nacional e Regional. 

 

Tivemos o prazer de ser convidados para o lançamento da obra deste professor, que teve lugar no Quartel dos Bombeiros Voluntários Madeirenses, no dia 27 de Junho de 2007.

 

Virgílio Pereira, como presidente da Câmara Municipal do Funchal, foi um marco indiscutível de rectidão, consciência social e humana. Como afirmou Albertina Henriques na sua apresentação, um inquérito de rua mostra que o escritor ainda é uma referência para a maior parte dos cidadãos funchalenses.

 

 

 

Excerto de um desses “Olhares”:

 

Doce ilusão

 

Há muita gente neste País que se deixou anestesiar civicamente pelas facilidades de crédito que a Banca concede para uma multiplicidade de fins, de entre os quais saliento a compra de habitação, a aquisição de automóvel, de mobiliário, de electrodomésticos, de viagens e de outras coisas mais.

Deslumbra também muita gente a facilidade de se tirar dinheiro de uma máquina, com um simples cartão, bem como a de aproveitá-lo para diversas funções.

E, a par de todas estas delícias, tem-se a sensação de que o Banco empresta dinheiro com juros baixíssimos.

Há, por isso, muita gente que não deita contas à vida, nesta sociedade de consumo, e que se endivida até à medula.

Longe vá o agoiro, mas creio que muitos se vão assustar, se se confirmarem as previsões de alguns economistas e financeiros, europeus e mundiais, de que o holandês senhor Wim Duisenberg, Presidente do Banco Central Europeu, virá anunciar, nos finais do primeiro trimestre do ano 2000, depois de uma reunião dos 15 governadores dessa Instituição da União Europeia, nova subida de taxas de juro. mesmo que seja, novamente, de meio ponto percentual. (…)

PEREIRA, Virgílio –Alguns olhares. [Funchal]: O liberal, [2007]. p.61

 

 

Importa também referir que esta obra foi hoje apresentada publicamente no auditório da FNAC.



publicado por BMFunchal às 03:47
mais sobre mim
Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

15
16
17
18
19
20

22
24
25
26
28

30
31


links
pesquisar neste blog